Quem nunca assistiu a um documentário na TV ou navegou pela internet e se deslumbrou com a beleza escondida no fundo das águas? Ou repetiu para si mesmo o quanto gostaria de ter oportunidade ou coragem para fazer mergulho em água doce ou salgada?

Talvez esse desejo seja mesmo irresistível. Afinal, vivemos em um planeta no qual 71% da superfície é coberta por água. Enquanto habitat, as águas de rios, lagos, mares e oceanos abrigam um incontável número de espécies. São cores, formas e texturas absolutamente surpreendentes.

É por isso, que o mergulho, seja de água doce ou salgada, não deve ser uma atividade restrita aos profissionais ou atletas. Muito contrário, qualquer pessoa (em boas condições de saúde), ainda que possua limitações de mobilidade, pode praticar a atividade. Neste artigo, vamos dar todas as informações e dicas necessárias para que você torne esse sonho realidade. Acompanhe!

1. Como é o mergulho em água doce?

Muitas vezes, quando se pensa em mergulho, a primeira coisa que nos vem à cabeça são as profundezas de mares e oceanos. No entanto, enquanto atividade recreativa, o mergulho em águas doces (já muito popular nos Estados Unidos e países da Europa) tem ganhado muitos adeptos no Brasil.

Viva esta experiência
Receba ajuda de nossa equipe para definir o seu roteiro em Bonito MS

Isto porque, geralmente, os mergulhos de água doce oferecem menos dificuldades que o mergulho em mar aberto. Na modalidade, a atividade normalmente se inicia a partir de uma extensão de terra, não sendo necessária a utilização de embarcações até o ponto de submersão. Além disso, em muitos casos, é possível realizar o mergulho em rios de correnteza suave.

No entanto, apesar da relativa facilidade, é fundamental que o mergulhador tome os devidos cuidados em relação à visibilidade, correntes, temperatura, altitude, entre outros. Abaixo listamos os pontos que mais exigem atenção no mergulho em água doce.

Altitude

Esse é o ponto mais importante a ser observado no mergulho em água doce. Isto porque as tabelas de descompressão foram desenvolvidas tendo como parâmetros as condições encontradas quando a atividade é realizada em mares e oceanos, inclusive, no que tange à pressão atmosférica.

No entanto, é muito comum que lagos e represas estejam localizados bem acima do nível do mar, atingindo, com frequência, mais de 1.000 m de altitude. Isto exige que os mergulhadores realizem os devidos ajustes nas tabelas, sob o risco de problemas de saúde.

Visibilidade

Outro ponto importante é entender a importância do quesito visibilidade no processo de mergulho. Em alguns lugares do globo, é possível encontrar pontos de mergulho em água doce com até 100 m de visibilidade. Mas também não é raro achar lagos, represas ou rios nos quais, em virtude do grau de sedimentação, a visibilidade varie de 5 metros a absolutamente nem um centímetro.

Correntes

Avaliar a correnteza dos rios é um fator primordial. Por isso, antes de iniciar o mergulho, é preciso observar a intensidade da corrente, determinar se é possível conduzir a atividade contra a mesma e, em caso contrário, traçar uma rota com ponto de entrada e saída diferentes.

Poluição

Infelizmente, no Brasil, muito rios e lagos encontram-se em condições deploráveis de conservação. Nesse caso, em que as águas estão tomadas por poluição (visíveis ou não), o mergulho pode causar danos irreversíveis à saúde.

Por isso, é necessário escolher bem o local onde vai realizar a atividade, para que seja possível aproveitar ao máximo essa experiência tão especial.

2. Quais são os melhores pontos no Brasil?

Se você chegou até aqui e não vê a hora dar um delicioso e profundo mergulho em água doce, vamos contar quais são os destinos que compõem o top 3 do Brasil. Ao optar por um deles para iniciar a prática, você terá uma experiência excepcional, e o único risco que vai correr é o de ficar absolutamente viciado na atividade.

Complexo Nascente Azul, Bonito (MS)

O complexo Nascente Azul, distante menos de 30 quilômetros do centro de Bonito, oferece aos seus visitantes uma das melhores opções de mergulho com cilindro para pessoas de qualquer idade.

Em seu Lago formado pelas águas da nascente do Rio Bonito, o visitante poderá mergulhar por até 5 metros de profundidade em águas correntes, habitat de peixes das mais variadas espécies. Trata-se do cenário ideal para mergulhadores com pouca ou nenhuma experiência exercitarem o mergulho com cilindro em meio a cardumes diversos.

Isto porque, estamos falando de um ambiente altamente controlado, sem correnteza, com estrutura adequada e acessível. Além de contar com instrutores treinados e qualificados. Realmente, o cenário ideal para idosos, crianças e pessoas com deficiência. Inclusive, não é necessário qualquer treinamento prévio.

Além disso, durante a atividade, que tem duração de 40 minutos a 1 hora, o turista é acompanhado durante todo o tempo por monitores treinados. Na verdade, em todas as atrações do complexo, segurança e acessibilidade são fatores tratados com extremo cuidado.

Outro diferencial do complexo é a possibilidade de realizar diversas atividades no mesmo dia, uma vez, que além do mergulho, a Nascente Azul oferece, ainda, o passeio de flutuação, com snorkeling ou apneia, a depender da modalidade contratada. A modalidade é realizada em águas rasas, apenas com uso de máscara e um tubo.

Além disso, Nascente Azul oferece infraestrutura completa para a família, trilhas ecológicas, cachoeiras, cascatas, balneário com inúmeras atividades, piscina ecológica, capela ecumênica, restaurante e bar, vestuários e wi-fi.

Lagoa Misteriosa, Bonito (MS)

Também localizada no Mato Grosso do Sul, a 50 quilômetros do centro de Bonito, a Lagoa Misteriosa é uma das atrações mais requisitadas pelos amantes do mergulho.

O local ganhou esse nome em função de uma caverna aquática no interior da lagoa, na qual há uma coluna d’água permanece de profundidade desconhecida (o mais ousado mergulhador submergiu 220 m). A transparência da água e o seu tom azulado proporcionam ao mergulhador imagens inesquecíveis.

O mergulho, que tem duração de 30 a 40 minutos e é acompanhado todo o tempo pelo guia, pode ser realizado por qualquer pessoa acima de 10 anos de idade. No entanto, há restrições médicas para gestantes e pessoas com problemas cardíacos.

Lago de Furnas, São João Batista do Glória (MG)

O Lago de Furnas é um dos maiores lagos artificiais do mundo. Originado a partir da construção da Usina Hidrelétrica de Furnas, no sudoeste de Minas, ocupa uma região onde já existiu uma cidade inteira. Por conta disso, os mergulhadores se surpreendem com ruínas das cidades inundadas, como pontes e antigas construções. Em alguns pontos, o lago atinge mais de 90 metros de profundidade.

Viva esta experiência
Receba ajuda de nossa equipe para definir o seu roteiro em Bonito MS

3. O que eu devo saber antes de começar?

Agora que você já conhece o nosso top 3 e está pronto para decidir em qual ou quais deles quer iniciar a prática do mergulho em água doce, vamos dar mais algumas dicas, a fim de garantir sua segurança e o melhor proveito dessa experiência.

Seja cauteloso

Se você é um mergulhador inexperiente, seja cauteloso. Não fique constrangido em tirar todas as dúvidas com o profissional responsável por acompanhar a atividade. Pergunte mais de uma vez se necessário, ele está lá para ajudá-lo.

Esteja atento aos equipamentos

Teste, confira e o observe a qualidade e conservação dos equipamentos. A necessidade de cada um depende da modalidade escolhida, do tempo submerso e das características locais.

Geralmente, snorkel’s, máscaras de mergulho, cilindros de ar comprimido, roupas isolantes, cintos de lastro, nadadeiras e lanternas são imprescindíveis. Também é importante utilizar os mesmos de forma correta. Por isso, estar atento às orientações é fundamental.

Cuidado com as condições gerais de saúde

Ainda que a atividade, especialmente em água doce, possa ser realizada por pessoas de qualquer idade, é importante que você esteja atento às suas condições de saúde. O mergulho em água doce ou salgada exige, sim, algum preparo. Assim como uma caminhada leve ou uma partida de futebol no final de semana. Por isso, se não estiver se sentindo bem no dia, cabe avaliar com o profissional responsável qual a melhor alternativa.

Não tenha medo

Tudo que é novo nos causa algum receio. E isso é natural. Não se deixe vencer por ele. O mergulho em água doce é uma experiência extraordinária e absolutamente segura, quando realizada da forma correta. Por isso, escolha com cuidado o local e o profissional que vai acompanhar você.

Para saber mais sobre mergulho e outras opções de atrativos turísticos em Bonito, siga-nos nas redes sociais. Estamos no Facebook, Twitter e Instagram. Você vai conhecer um verdadeiro paraíso natural com a Nascente Azul.