Bonito, no Mato Grosso do Sul, é um destino onde a natureza predomina. Por isso, o ecoturismo está em alta na região e vem crescendo cada vez mais no interesse dos turistas. Para quem busca esse tipo de viagem, caminhadas em meio à natureza são indispensáveis, por isso as trilhas no Mato Grosso do Sul são sempre um ótimo programa.

Esse tipo de turismo, também conhecido como turismo sustentável, é o segmento que tem como objetivo preservar e incentivar o patrimônio cultural e natural. Nesse tipo de destino, é comum encontrarmos atividades e passeios em meio à natureza, como mergulhos, flutuação, tirolesa e trilhas.

Durante as trilhas, é possível conhecer diferentes tipos de fauna e flora, além de praticar exercícios físicos e ter experiências únicas. Pensando nisso, criamos este post para falar um pouco mais sobre esse tipo de atividade e apresentar a você as principais trilhas no Mato Grosso do Sul. Confira!

Os benefícios de se fazer trilha

A prática da trilha vem conquistando cada vez mais adeptos com o passar do tempo. É que essa atividade, além de ser ótima para manter a saúde em dia, proporciona experiências incríveis em contato com a natureza.

Os adeptos do exercício amam e fazem sempre, e quem experimenta pela primeira vez quer fazer de novo. Além de ser um exercício físico, alguns dos outros benefícios são perder peso, controlar glicose e colesterol, aumento de resistência, relaxar e, como já falamos, explorar a natureza.

principais trilhas no mato grosso do sul para caminhar

Onde encontrar as melhores trilhas no Mato Grosso do Sul

A seguir, listamos algumas trilhas no Mato Grosso do Sul onde você pode caminhar e entrar em contato com a natureza:

Viva esta experiência
Receba ajuda de nossa equipe para definir o seu roteiro em Bonito MS

Trilha do Formoso

Para quem procura caminhada, belezas naturais e muita água, a trilha do formoso é ideal. O passeio começa na recepção do parque, onde são repassadas as orientações. Logo após todos recebem o colete salva-vidas e têm a opção de se trocar, caso desejem; quando todos estiverem prontos, começa o percurso. Os passeios são acompanhados por guias especializados e os grupos têm tamanho limitado.

O primeiro trecho do passeio conta com uma caminhada de 2 km até o deck do Paraíso. Em meio à mata ciliar, conta com árvores centenárias, e é nesse deck que é feita a primeira parada para banho no Rio Formoso. Seguindo o passeio, os visitantes ainda conhecem o deck da Tirolesa e da Chiquita, onde há mais uma parada para banho.

Durante a caminhada, os visitantes ainda conhecem mais 5 decks, dentre eles o do Boia Cross. Para finalizar, é feito o retorno até a área de lazer da Lagoa, onde os visitantes podem desfrutar do espaço pelo resto do dia.

Trilha da Nascente Azul

A trilha pode ser dividida em duas etapas. A primeira, com 300 metros de extensão, se inicia no receptivo e passa pelo bosque de bacuris, morada de vários animais, como quatis e macacos. Logo a seguir, passa por uma das mais belas paisagens da região e de Bonito, uma extensa cachoeira em forma de véu, um atrativo que rende lindas fotos.

No mesmo local se encontra uma MCE (Micro Central Elétrica), que gerou energia para a fazenda por anos e permanece em funcionamento pelo seu valor histórico para a região. Após subir alguns degraus, chega-se à grande torre onde são realizadas as atividades de aventura, com sua incrível tirolesa (a maior do estado).

A partir desse ponto, a trilha só pode ser feita com acompanhamento de guia. Nesse trajeto são percorridos aproximadamente 1000 metros, pelos quais pode ser contemplada a mata nativa de entorno do Rio Bonito, com toda sua fauna e flora exuberantes, além de seu ponto alto que é a área de contemplação da Nascente Azul, com seus incríveis e variados tons de azul. Vale ressaltar sua total acessibilidade a todos (ideal para pessoas com deficiências ou mobilidade reduzida).

O visitante retorna com veículo do atrativo até a recepção, onde poderá aproveitar todo o complexo de turismo Nascente Azul. Lá ele encontra uma estrutura para atender a toda a família com diversas atividades, como mergulho em água doce, flutuação e muitas aventuras, como tirolesa e pêndulo humano.

O balneário, com suas múltiplas atividades, é a escolha ideal para passar o dia se divertindo, com a opção de banho na piscina ecológica presente no local, a única da região. Conta também com bares e restaurantes para tornar a experiência inesquecível.

principais trilhas no mato grosso do sul para caminhar

Cachoeira Boca da Onça

Para quem tem pique e fôlego, o passeio até a cachoeira Boca da Onça é uma ótima opção. A atração começa com uma trilha de 4.000 metros de percurso, em meio a uma mata de preservação com as mais belas paisagens, além das diversas cachoeiras de águas cristalinas que se encontram no caminho. Os passeios são acompanhados por guias especializados e os grupos têm tamanho limitado.

A cachoeira Boca da Onça é a mais alta do estado do Mato Grosso do Sul. Lá também é encontrado o rapel de plataforma mais alto do Brasil. São 90 metros de descida pelo Cânion do Rio Salobra, com muita adrenalina e paisagens extraordinárias.

Viva esta experiência
Receba ajuda de nossa equipe para definir o seu roteiro em Bonito MS

Parque das Cachoeiras

A trilha ecológica localizada no Parque das Cachoeiras, no Rio Mimoso, conta com um percurso na mata ciliar em meio à flora e fauna locais. O trajeto conta com sete belas cachoeiras, piscinas naturais, com a opção de banho, além de pequenas cavernas. Os passeios são acompanhados por guias especializados e os grupos têm tamanho limitado.

Após a atividade, os visitantes retornam à sede, onde podem desfrutar de um almoço com pratos típicos e sobremesas regionais, feitos em fogão a lenha. O parque conta com diversas atividades para quem deseja relaxar, como redário, um mirante com vista para uma linda cachoeira e cavalgadas pelos campos da região.

Trilha da Vazante

A Trilha da Vazante possui 900 metros e tem duração de aproximadamente 2 horas. A trilha é em madeira sobreposta na área da vazante, que pode estar inundada ou seca, na área florestal da Fazenda San Francisco.

Durante o percurso, existem diversos capões de mata e área aberta, o que permite observar uma grande variedade de aves e mamíferos, como capivaras e cervo-do-pantanal – até onça-pintada já foi avistada na região. Ao final do passeio, chega-se ao mirante, que, com 10 metros de altura, tem uma bela vista para a paisagem pantaneira.

Serra da Bodoquena

O Parque Nacional de Serra da Bodoquena abrange uma área de 76.481 hectares e apresenta características geológicas especiais, com elementos como urânio, cobre, dolomito, minerais de calcário e chumbo na sua formação. Um dos trajetos mais conhecidos é o da Serra da Bodoquena, com uma trilha que possui 2,5 km de percurso a pé e mais 2 km no passeio de bote, no qual todas as idades são permitidas.

Durante o trajeto, o visitante poderá desfrutar de diversas cachoeiras e de oito paradas de banho nas maravilhosas piscinas naturais do Rio Betione. A região ainda possui uma estrutura com várias atrações e atividades para a família inteira, como quadra de vôlei, hospedagem, tirolesa, quiosque bar, piscinas adulto e infantil e almoço típico de fazenda, feito no fogão a lenha.

Agora que já conheceu um pouco mais sobre essa atividade tão benéfica e que proporciona tantas oportunidades incríveis, deu até vontade de conhecer as trilhas no Mato Grosso do Sul, não é mesmo? Antes de começar, preste atenção às roupas e sapatos indicados para cada trilha. Não se esqueça de levar alguns itens essenciais, como protetor solar, água, repelente e um lanchinho para o caminho.

E aí, gostou de conhecer as principais trilhas no Mato Grosso do Sul? Pretende percorrer algumas delas? Aproveite e leia também nosso artigo sobre as principais cachoeiras em Bonito para você curtir.